07 março 2008

Dia Internacional das Trouxas

Nancy e Brenda encontram-se na praia.
- Oi Bre, quanto tempo! Tudo bem contigo*?
- Tudo ótimo, Naná! E tu*?
- Ai, menina, nem te conto! Lembra que eu te falei há um tempo atrás que tinha uma chance de eu ser promovida? Pois então, consegui!
- Juraaa? Parabéns, amiga, daqui a pouco tu vai mandar em todo mundo por lá! Hahaha! E eu estou correndo atrás daquela bolsa do mestrado... o resultado sai na semana que vem, mas o meu professor disse que está quase 100% garantido. Totalmente gratuito, nem estou acreditando!
- Claro que tem que acreditar, tu sempre foi muito estudiosa e inteligente!
Linda encontra as outras duas amigas.
- Li !! Que legal, nós três juntas, assim, por acaso... Como tu tá? Conta tudo!
- Oiii Bre, oi Naná! Tudo ótimo, meninas, acabei de vir do banco, fui fechar os detalhes para financiar o meu primeiro apê!
- Uhuuu!!!! Que demais!
- Caramba, nós estamos evoluindo né? Casa própria, sucesso no trabalho, avanço nos estudos... nós somos o máximo, não? Hahaha!
- Mas gente, me contem, e o coração? Brenda, como vai o teu?
- Ah, vai mais ou menos... Eu até estava saindo com um carinha, quer dizer, ficando às vezes. Ele disse que não queria nada sério, e apesar de gostar muito dele, não fiz pressão nenhuma. Pois eu não descobri que ele está saindo firme com outra? Já estão dizendo que é namoro mesmo! Fiquei com muita raiva! Mas não sei o que fazer ainda, a gente ainda dá uns beijinhos, ele diz que ainda não quer assumir compromisso, nem comigo nem com outra... Sei lá no que vai dar! E você, Linda, está com um pouco mais de sorte?
- Xiii... também estou enrolada! Na verdade, o cara não sabe o que quer! Me chama pra sair com a turma dele, pra sairmos a dois, fica me ligando, me fala coisas românticas, mas na hora do "vamos ver", não acontece nada... Ele deve estar me fazendo de boba, isso sim! Poxa, ele toma toda a iniciativa, o que ele quer, que eu o agarre? Será que é tão frouxo assim? Olha, nem vou falar mais porque este assunto me deixa nervosa! Bem, Naná, dá uma esperança pra gente e diz que tu tá bem na fita, vai!
- Hum... não vai dar! Até tenho um pretê, ele diz que me adora e tudo o mais, é um cara bacana... Só tem um detalhezinho básico : é noivo! Namora a menina há uns 8 anos. Ela, a quase chifruda, me conhece e adooora bater papo comigo, acreditam? E eu fico nesse dilema, ou sigo a lei da selva e saio com ele, ou tento não ser FDP e ficar na minha. E ficando na minha, continuo sozinha, ainda sou "a encalhada"! Que droga, viu?
- Gente, a situação não está fácil! Vamos passar numa sessão de descarrego, pelamor!
- Pô, eu conheço uma ótima! Ali no Bar do Zé, que tal uns pastéis e muito chopp gelado?
- Aeee!! É isso aí, bora afogar as mágoas. Se bem que elas já estão aprendendo a nadar!
- Hahahahahahaha!!

Uma homenagem a todas as mulheres, neste dia especial.
Afinal, pelo que a gente é obrigada a aturar de vocês, meninos, um dia é pouco.

* "Contigo", "tu", são coisas de moradores de Santos e adjacências litorâneas... não reparem...

2 comentários:

Alexandre disse...

Eita, falando mal da nossa pobre classe, ou melhor, gênero. (rs)

Semíramis disse...

A cada dia eu fico mais impressionada com a sua imaginação fértil... pq realmente isso é uma fábula, impossível de acontecer uma história dessas...

Compartilhe

Related Posts with Thumbnails