19 setembro 2009

Top 5 romântica

Filmes românticos e muito mentirosos que não levam a lugar algum, mas eu vejo mesmo assim, inúmeras vezes, não importa quando, onde, como e por que.

5 – Vestida pra Casar

Moça louca por casamentos é apaixonada pelo chefe, mas conhece um rapaz que não acredita em casamentos (lá no fundo, ele acredita sim). Ela vai a todas as cerimônias que pode e, se possível, as organiza também. A irmã chega na cidade e começa a sair com o tal chefe e… dane-se! Caramba, com um cara como esse te perseguindo, quem se importa? Melhor cena, os dois cantando bêbados em cima da bancada do bar.

4 – A Agenda Secreta do Meu Namorado

Mocinha insegura em começo de carreira, namora um cara lindo e descobre que ele já saiu com uma modelo – mais alta, linda e magra que ela, a morte para qualquer mulher. Cheia de cíúmes, a moça faz uma besteira atrás da outra para saber mais desse antigo relacionamento, tudo ao som de Carly Simon. Ponto positivo para o final divertido.

3 – Bridget Jones (I e II)

Vida amorosa risível, família complicada, carreira sem muita emoção, uns quilos a mais, muitas doses e cigarros. Mesmo assim, é disputada por Daniel Cleaver (Hugh Grant) e Mark Darcy (Colin Firth) – realidade pra quê, né? Mark diz que a ama do jeito que ela é. E move meio mundo para salvá-la da prisão. Isso não é ficção, é uma viagem de ácido. Destaque para as brigas entre os rapazes, sempre hilárias.

2 – Simplesmente Amor

Esse tem muita história junta, mas todas ótimas, e no final as pessoas se interligando, muito boa a ideia. Minha preferida é a da moça portuguesa com o rapaz que foi traído pela namorada com o próprio irmão, só porque o Colin Firth aparece falando português. A história da moça com o irmão doente é bontinha também (ela é a que sai com o Rodrigo Santoro). E a do cara que é apaixonado pela esposa do melhor amigo? Tadinho.

1 – Uma Linda Mulher

Clássico dos clássicos de todos os tempos, um dos mais mentirosos. Uma senhorita de vida fácil (linda como a Julia Roberts) encontra um ricaço de bom coração (charmoso como Richard Gere) e eles se apaixonam enquanto ela, ah, presta o serviço. A cena dela voltando às lojas que a desprezaram quando ela ainda tinha pose de p*ta, fantástica. E claro, “It Must Have Been Love” de trilha sonora.

z17314051

Um oferecimento dos Estúdios Pinóquio.

3 comentários:

Semiramis Moreira disse...

Não sei se conseguiria fazer uma lista, mas Bridget Jones, Um lugar chamado Notting Hill, e... ehn... O Guarda-Costas (/vergonha de confessar) estariam... :)

C. disse...

Tbém tenho a minha lista, e Bridget Jones está no TOPO. O último que vi e ameeeeeeeeei foi The Proposal, top 5, com certeza.

Queila disse...

"Orgulho e Preconceito" no céu. O restante, pontos negros no chão.

Compartilhe

Related Posts with Thumbnails