17 março 2009

Pessoalíssimo

O blog é um reflexo do dono.
Principalmente quando ele serve de penico - não tem escolha, o pobrezinho (refiro-me ao blog... às vezes o dono também não tem escolha, enfim...). Quando você está feliz, nem sempre lembra de escrever, mas se está no lixo, o despejo é por aqui mesmo.
O problema é quando as suas perguntas estão tão mal direcionadas, sem respostas, sem indicar caminhos, quando suas perguntas são apenas pontos de interrogação no fim das frases, quando a linha de baixo fica com o "R:", aguardando a solução, e nada aparece... o que dizer? O que escrever?
Certos são os hispânicos que colocam o ponto de interrogação no começo das perguntas, de cabeça para baixo. Se eu falasse espanhol, pararia neste momento da frase e talvez já não soubesse o que escrever.
A sensação de que algo precisa mudar na sua bendita vida deve ser constante na vida de todos, não é privilégio nem paranoia minha, mas de uns tempos para cá, virou uma sombra. A mudança me persegue até nos sonhos. Só que qualquer movimentação para outro lado da estrada parte de mim, e claro, é aí que a coisa empaca (fase There's a fork in the road ahead).
Também é hora de pensar se a vida está tão frustrante como eu penso ou se um chocolate resolve o mal-humor passageiro.
Por fim, rever todas as ambições e objetivos dos 21, 22 anos. Acho todos ridículos agora. Que tal criar novos? Acho que é só o que resta. O que me dá um pouco de agonia é ver mais gente ficando para trás, cheios de futuro (mais novos) e menos gente indo pela frente (mais velhos). Agonia ou inveja, talvez. Eu só preciso de mais tempo, mas é como se o pêndulo estivesse chegando.
*
Detesto esses momentos, em que você sabe que tem alguma coisa errada, mas não sabe o que é, muito menos o que fazer para resolver. Droga.
*
Mas gente, estou bem. Depois do Radiohead, quem sabe algo me inspire.
*

*
No momento, segue a programação normal : trabalhando-pagando-contas, ouvindo música, andando de bike, vendo milhões de jogos de tênis e aguardando a temporada de F1.

2 comentários:

Semiramis disse...

É, tb estou esperando o show para me inspirar...

Alexandre disse...

Bem-vinda ao time. E como você bem disse, o caminho é a renovação. O negócio é reduzir a marcha, dar uma espiada no horizonte nos dois lados, e seguir naquele com a paisagem mais diversificada e diferenciada.

:)

Compartilhe

Related Posts with Thumbnails